Início Colunas ARTIGO CONHEÇA O AUTISMO: A adolescência e suas descobertas

ARTIGO CONHEÇA O AUTISMO: A adolescência e suas descobertas

447
6

Após contar sobre a minha infância, decidi focar na fase da adolescência, que é um período que pode se tornar complicado no início devido às responsabilidades que envolve. Muitas questões começam a ser formuladas quanto à relacionamentos, decisões, amizades e outros tópicos que muitos autistas/aspies podem ter dificuldade de lidar.

A minha transição da infância para a adolescência foi saudável, e não dolorida como costuma ser para outras pessoas. O problema foi me habituar às responsabilidades que surgem quanto aos estudos e relacionamentos. Foi nesse período que iniciei meus questionamentos quanto ao diagnóstico. Não me sentia como meus outros colegas, e queria muito me enturmar.

Foi também nesta fase que parecia que minha mente dava mil voltas, sem saber onde estacionar. Não conseguia me concentrar nas aulas, principalmente matemática (sempre fui ruim em exatas!) e isso me magoava muito. Depois de muitas aulas com uma professora que considero da família consegui vencer os cálculos, mas até hoje me atrapalho!

A puberdade chega para todo mundo como uma caixinha de “Pandora”, com muitas surpresas assustadoras que temos de aprender a domar. Por isso, recomendo aos portadores de TEA que façam tudo a seu tempo e que não fiquem assustados com o que pensarem. Os sentimentos que surgem nessa fase são a mais pura essência de juventude. Mesmo com quase 21 anos, me sinta um “eterno adolescente”.

6 COMENTÁRIOS

  1. Estou muito orgulhosa de você Marco Antônio e de sua mãe,minha colega de faculdade em Pedagogia.
    Márcia és uma mãe de muita sorte com suas meninas e o Marco.
    Parabéns pela linda família e pela história linda do seu filho!
    Estou acompanhando com muita emoção e carinho por vcs!!🙏

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui